Rádios e tevês de políticos podem ser cassadas - DE OLHO NA MÍDIA

Responsive Ad Slot

 

Rádios e tevês de políticos podem ser cassadas

23 novembro 2015

/ DE OLHO NA MÍDIA
Texto por: Abrahão Crispim Filho

 

UOL

O Ministério Público Federal, segundo o site do UOL pretende cassar concessões de rádios e tevês de políticos, ou que tenham esses como sócios. Isso envolve Aécio Neves (a rádio vem desde Tancredo), Jáder Barbalho, Fernando Collor e muitos outros, inclusive a família de ACM, detentora do controle da afiliada da GLOBO na Bahia e Sarney, no Maranhão. As ações serão propostas pela seccionais dos estados.


A medida é correta, penso eu. A rádio de Aécio, herdada, recebeu uma fortuna em propaganda do governo estadual quando o próprio era o governador e depois, com Anastásia, seu aliado e sócio no contrabando de nióbio. É preciso ir mais fundo. Somos um estado laico e as concessões públicas a grupos religiosos no sistema de tevê aberta devem ser cassadas também.


As redes, são serviços públicos, sonegadoras. a GLOBO, idem. E as rádios FM tidas como comunitárias e em poder de grupos políticos e religiosos. Há um projeto de rádios e tevês populares que poderia nortear as ações do MP Federal. É do governo de João Goulart.






© Todos os direitos reservados 2009 - 2020 - D`Anjos Web Service - DE OLHO NA MÍDIA