João Alves Filho foi denunciado pela Procuradoria Regional Eleitoral em Sergipe - DE OLHO NA MÍDIA

Responsive Ad Slot

 

João Alves Filho foi denunciado pela Procuradoria Regional Eleitoral em Sergipe

11 julho 2016

/ DE OLHO NA MÍDIA
Da redação

[caption id="attachment_12833" align="alignright" width="400"]João Alves Filho © Fornecida por Cássia Santana / João Alves Filho é um engenheiro civil e político brasileiro filiado ao Democratas. Foi prefeito de Aracaju entre 1974 e 1977, ministro do Interior, governador de Sergipe durante três mandatos e 2003-2006, atuante na gestão da Prefeitura de Aracaju e também é presidente do Diretório Regional do Partido Democratas de Sergipe.[/caption]


Segundo informações da denúncia, o Prefeito de Aracaju foi notificado se a agremiação realizou pagamento de R$17.729,70, determinado pela Justiça, referente à desaprovação da prestação de contas do partido em 2009, e não soube responder.


Já em 2015, foi notificado pelo Tribunal Regional Eleitoral, e depois, pessoalmente intimado a informar se a determinação judicial fora cumprida. O prazo determinado para a resposta esgotou-se e João Alves Filho não se manifestou.


De acordo com a PRE, a conduta de João Alves se enquadra em delito previsto no Código Eleitoral. O art. 347 estabelece pena de detenção de três meses a um ano para quem se recusar a cumprir ou obedecer a diligências, ordens ou instruções da Justiça Eleitoral.






© Todos os direitos reservados 2009 - 2020 - D`Anjos Web Service - DE OLHO NA MÍDIA