A maneira mais obtusa de digerir a derrota na eleição - DE OLHO NA MÍDIA - Site oficial

Responsive Ad Slot

A maneira mais obtusa de digerir a derrota na eleição

13 outubro 2016

/ Unknown
Texto de Abrahão Crispim Filho

O povo pobre ingrato
A maneira mais obtusa de digerir a derrota na eleição é culpar "o povo pobre ingrato". Um projeto político deve sempre priorizar a interlocução e o diálogo como elemento indissociável, e quando esse não funciona culpar o interlocutor não é a solução mais inteligente.  As pessoas de periferia têm seus códigos e sua maneira de avaliar uma gestão.


Claro que a conjuntura econômica e os ataques midiáticos contribuíram para a derrocada, mas isso deveria ter sido incluído como dado antes da eleição. Agora é redefinir o que seria "diálogo com o cinturão periférico" sem cair no paternalismo e deixando de lado o dedo acusatório.






© Todos os direitos reservados 2009 - 2018 - D`Anjos Web Service - De olho na mídia