A Operação Ross, que permitiu busca e apreensão em casas dos irmãos Aécio e Andréia Neves - DE OLHO NA MÍDIA

Responsive Ad Slot


A Operação Ross, que permitiu busca e apreensão em casas dos irmãos Aécio e Andréia Neves

12 dezembro 2018

/ DE OLHO NA MÍDIA
Por Meio / da redação de olho na mídia

Foto © Fornecida por divulgação


A Operação Ross, que permitiu busca e apreensão em casas dos irmãos Aécio e Andréia Neves, quer indícios de repasses que podem somar até R$ 128 milhões feitas, segundo os delatores, pela JBS. O ainda senador, eleito este ano deputado federal, afirma que a empresa foi desmoralizada publicamente e que o dinheiro de fato recebido foi como doação de campanha. O Solidariedade e Paulinho da Força também teriam recebido quantias intermediadas pelo tucano.
O também tucano Tasso Jereissati, um dos candidatos favoritos à presidência do Senado, se disse surpreso com a revelação, feita ontem, de que Aécio Neves recebia uma mesada de R$ 45 mil paga pela JBS. A pressão para que seja expulso do PSDB começa a crescer. (Folha)

Então... Segundo Lauro Jardim, a PF já havia requisitado ao Supremo a operação contra Aécio desde 11 de setembro. A procuradora-geral da República Raquel Dodge demorou 45 dias para entregar seu parecer, que saiu em 28 de outubro, quando Aécio já havia sido eleito deputado. (Globo)
© Todos os direitos reservados 2009 - 2018 - D`Anjos Web Service - De olho na mídia / Mk Designer